Artigos > A Medicina Dentária no tratamento da Doença Oncológica

A Medicina Dentária no tratamento da Doença Oncológica

A Medicina dentária desempenha no doente oncológico um papel fundamental, uma vez que com o tratamento destas patologias surgem frequentemente...

A Medicina Dentária no tratamento da Doença Oncológica

A Medicina dentária desempenha no doente oncológico um papel fundamental, uma vez que com o tratamento destas patologias surgem frequentemente manifestações orais que podem dificultar, limitar ou mesmo levar à necessidade de interrupção do tratamento oncológico (Quimioterapia e Radioterapia).

É no sentido de minimizar, ou mesmo de eliminar as manifestações orais associadas aos tratamentos oncológicos (mucosite, xerostomia) que a equipa de Medicina Dentáriado ICUF disponibiliza a estes pacientes um protocolo de consultas que se dividem em três fases:

1-  Pré-tratamento oncológico

Este é o período de atuação mais intenso, uma vez que o tempo entre o diagnóstico de cancro e o início do tratamento oncológico é em regra curto. No entanto, é também uma fase muito importante porque é aqui que se faz um diagnóstico cuidado, com o objetivo de melhorar e personalizar a higiene oral, eliminar focos de infeção, fontes de potencial traumatismo (dentes fraturados, próteses mal adaptadas, etc.) e se resolvem limitações dentárias que diminuem a capacidade mastigatória e, como tal, dificultariam a correta alimentação do paciente durante todo o tratamento oncológico.

Em suma, é nesta fase que se criam as condições de Saúde Oral necessárias para que o paciente consiga fazer o tratamento oncológico que lhe foi indicado da forma maissegura e confortável.

2- Durante o tratamento oncológico

Este período é marcado pela diminuição da capacidade imunológica e, como tal, a Higiene Oral assume um papel muito importante.

Nesta fase podem surgir complicações típicas do tratamento oncológico. A inflamação das mucosas que recobrem a cavidade oral (mucosite) e a diminuição da capacidadede produzir saliva (xerostomia) são apenas alguns exemplos.

Desta forma, nesta fase os objetivos da consulta passam por:

  • Controlo da higiene oral
  • Controlo e alívio das complicações surgidas
  • Tratamentos urgentes e inadiáveis

3- Após tratamento oncológico

Período em que os pacientes merecem uma vigilância redobrada para a deteção de recidivas malignas e o possível aparecimento de complicações crónicas resultantes dotratamento oncológico.

É fundamental que se mantenha a boca em ótimas condições de higiene e saúde oral uma vez que pode ser necessário recorrer a uma 2ª terapia oncológica.

Marcação de Consulta em Implantes Dentários
30 anos de experiência ao seu dispor

Devolvemos-lhe a alegria de sorrir novamente!

Marcar Consulta Ligue 229 376 497

Agende uma consulta online de forma simples e rápida!

Urgências Das 8H às 24h
Em ambiente hospitalar no Hospital CUF e Instituto CUF
Ligue 935 184 727 Ligue 935 184 727